user preferences

New Events

Brazil/Guyana/Suriname/FGuiana

no event posted in the last week

Aumento da tarifa em Joinville: um novo final de ano e a mesma história

category brazil/guyana/suriname/fguiana | community struggles | comunicado de imprensa author Monday January 07, 2013 01:40author by Coletivo Anarquista Bandeira Negra - CABN Report this post to the editors

Os finais de ano são marcados por festividades cristãs e dedicadas a alimentar a sociedade de consumo. Mas em Joinville, desde 2010, o final de ano passou a ter uma nova característica, já que as empresas Gidion e Transtusa aproveitam o momento para pedir ao prefeito o aumento da tarifa do transporte coletivo


Aumento da tarifa em Joinville: um novo final de ano e a mesma história


Os povos devem todos os direitos políticos que têm hoje,
não à boa vontade dos governos,
mas à sua própria força

Rudolf Rocker

Os finais de ano são marcados por festividades cristãs e dedicadas a alimentar a sociedade de consumo. Mas em Joinville, desde 2010, o final de ano passou a ter uma nova característica, já que as empresas Gidion e Transtusa aproveitam o momento para pedir ao prefeito o aumento da tarifa do transporte coletivo. No período de transição do governo Carlito Mers (PT) para o empresário Udo Döhler (PMDB), o aumento gera mais uma inquietação, afinal, o prefeito eleito pensa de acordo com o ponto de vista da classe empresarial.

O atual prefeito Carlito Mers, em entrevista ao Jornal Anotícia (17/12/12), disse que “dará o reajuste da passagem de ônibus ainda em seu governo. O índice a ser seguido deve ser o da inflação, que, pelos cálculos atuais, elevaria a passagem de R$ 2,75 para cerca de R$ 3,00”. E reforçou que não vai deixar o aumento para o prefeito eleito Udo Döhler, que mantém um discurso aliado com as empresas. A postura do prefeito Carlito Mers reforça o atual modelo de transporte coletivo, que visa o lucro em detrimento das nossas reais necessidades, como melhora na qualidade de vida, o livre acesso a diferentes lugares da cidade e controle público sobre o transporte.

O povo, que depende do transporte coletivo, já conhece a tática das empresas de solicitarem um valor mais alto e a Prefeitura Municipal de Joinville assinar um valor que atende os interesses dos empresários que lucram com o nosso direito de ir e vir. Enquanto isso, o pano de fundo natalino, férias escolares e o ritmo frenético da sociedade de consumo é ideal para desmobilizar a expressiva força combativa da juventude local.

Nós, anarquistas organizados, acreditamos que a única opção para o povo é a organização e a luta popular. Chegou a hora de organizar a luta e tomar o partido das ruas. O povo deve ser o protagonista da luta por seus interesses. Devemos debater com as nossas bases e compor uma unidade de luta contra o aumento, visando um projeto de transporte coletivo. Como já lutamos e conquistamos educação e saúde pública, agora é hora de lutar por um transporte público, gratuito e de qualidade, lutar sem esperar a bondade dos governantes, mas na rua com as nossas próprias forças.

Dezembro de 2012,

Coletivo Anarquista Bandeira Negra


Related Link: http://www.cabn.libertar.org/
This page can be viewed in
English Italiano Deutsch
Employees at the Zarfati Garage in Mishur Adumim vote to strike on July 22, 2014. (Photo courtesy of Ma’an workers union)

Front page

SAFTU: The tragedy and (hopefully not) the farce

Anarchism, Ethics and Justice: The Michael Schmidt Case

Land, law and decades of devastating douchebaggery

Democracia direta já! Barrar as reformas nas ruas e construir o Poder Popular!

Reseña del libro de José Luis Carretero Miramar “Eduardo Barriobero: Las Luchas de un Jabalí” (Queimada Ediciones, 2017)

Análise da crise política do início da queda do governo Temer

Dès maintenant, passons de la défiance à la résistance sociale !

17 maggio, giornata internazionale contro l’omofobia.

Los Mártires de Chicago: historia de un crimen de clase en la tierra de la “democracia y la libertad”

Strike in Cachoeirinha

(Bielorrusia) ¡Libertad inmediata a nuestro compañero Mikola Dziadok!

DAF’ın Referandum Üzerine Birinci Bildirisi:

Cajamarca, Tolima: consulta popular y disputa por el territorio

Statement on the Schmidt Case and Proposed Commission of Inquiry

Aodhan Ó Ríordáin: Playing The Big Man in America

Nós anarquistas saudamos o 8 de março: dia internacional de luta e resistência das mulheres!

Özgürlüğümüz Mücadelemizdedir

IWD 2017: Celebrating a new revolution

Solidarité avec Théo et toutes les victimes des violences policières ! Non à la loi « Sécurité Publique » !

Solidaridad y Defensa de las Comunidades Frente al Avance del Paramilitarismo en el Cauca

A Conservative Threat Offers New Opportunities for Working Class Feminism

De las colectivizaciones al 15M: 80 años de lucha por la autogestión en España

False hope, broken promises: Obama’s belligerent legacy

Primer encuentro feminista Solidaridad – Federación Comunista Libertaria

© 2005-2017 Anarkismo.net. Unless otherwise stated by the author, all content is free for non-commercial reuse, reprint, and rebroadcast, on the net and elsewhere. Opinions are those of the contributors and are not necessarily endorsed by Anarkismo.net. [ Disclaimer | Privacy ]