user preferences

New Events

Brazil/Guyana/Suriname/FGuiana

no event posted in the last week
10482604_870509852980130_2250072668347014593_n.jpg
brazil/guyana/suriname/fguiana / community struggles / opinião / análise Thursday November 20, 2014 09:34 byBrunoL   image 1 image
O debate a respeito do cenário pós-eleitoral, ao contrário do que muitos esperavam, não se atenuou. Aumenta a intensidade dos protestos por direita, e, ao mesmo tempo, abre-se todo um leque de possibilidades para colocar o governo reeleito contra a parede, diminuindo ainda mais sua estreita margem de manobra. Podemos identificar quatro possibilidades dentro do cenário complexo onde se realizam arenas simultâneas de embate.

São estes:
read full story / add a comment
Luiz Carlos Trabuco, presidente executivo do Bradesco, assim como Henrique Meirelles, foi cotado pelo Planalto para emplacar na pasta da Fazenda do 2º governo de Dilma.
brazil/guyana/suriname/fguiana / economia / opinião / análise Wednesday November 19, 2014 08:29 byBrunoL   image 1 image
Poucas vezes pude concordar tanto com Sardenberg (se é que não foi primeira), âncora da CBN, colunista do Jornal da Globo, blogueiro e jornalista da velha guarda no rumo inexorável da curva à direita já feita por Paulo Francis, dentre outros. O comentarista de economia do jornal noturno da empresa líder sugere para Dilma a cópia do modelo de comportamento chinês, pois segundo o próprio:

"Os líderes chineses têm uma habilidade especial para adotar políticas pró-mercado com uma retórica de esquerda para agradar esse lado do Partido. Vire à direita, dê sinal à esquerda — tal é o ensinamento."
read full story / add a comment
O deputado fluminense e eminente cardeal do Congresso Eduardo Cunha – líder do PMDB - é apontado pelo ainda presidente da câmara baixa tupiniquim, o potiguar e também peemedebista Henrique Eduardo Alves, como seu sucessor.
brazil/guyana/suriname/fguiana / economia / opinião / análise Monday November 03, 2014 09:07 byBrunoL   image 1 image
Análise de conjuntura pós-eleitoral – passada uma semana da reeleição, a chantagem institucionalizada e o caminho para um governo acuado

Bruno Lima Rocha, 1º de novembro de 2014

O domingo dia 26 de outubro foi um marco na história política recente do país. O mesmo projeto de governo emplacava seu quarto mandato consecutivo, realizando a proeza de reeleger uma ex-guerrilheira indicada como sucessora de um ex-dirigente sindical. Tudo seria um mar de rosas, se estas mesmas rosas, ao contrário do que disse Mestre Cartola, não roubam “perfumes de musas do carnaval” e sim o odor fétido do submundo da política oligárquica que todos vêem e ainda poucos são taxativos a este respeito. Se pudermos caracterizar o momento do curtíssimo prazo pós-reeleição, trata-se de algo muito perigoso. read full story / add a comment
cab.jpg
brazil/guyana/suriname/fguiana / miscellaneous / feature Friday October 24, 2014 22:40 byFederação Anarquista Gaúcha   image 1 image
Não temos nada a oferecer, hoje, àqueles e àquelas que pensam as eleições burguesas como um meio mais fácil, rápido e eficaz de resolução dos nossos problemas enquanto povo. O que temos a oferecer é um espaço de organização, um projeto coletivo a se construir no cotidiano das lutas por melhores condições de vida e um horizonte Socialista e Libertário. Não estamos falando de algo para um amanhã que nunca chega e sim da forja diária de valores combativos, de lutas por conquistas parciais no marco de conquistas estratégicas, de acúmulo de forças e de experiências coletivas que não são perdidas tão facilmente na troca de governos de turno. read full story / add a comment
De un lado tenemos una coalición de centro-derecha, encabezada por el PT y coaligada con los oligarcas de siempre.
brazil/guyana/suriname/fguiana / economía / opinión / análisis Friday October 24, 2014 09:08 byBrunoL   image 1 image
La segunda vuelta de las elecciones brasileras tiene relación directa con: la proyección del país, la alianza estratégica del bloque político del Mercado Común del Sur (MERCOSUR) y el alineamiento del Brasil dentro de la globalización corporativa: La política exterior de Lula extendida por Dilma (con algunas correcciones en su pragmatismo) es estructuralmente distinta de la del período de Fernando Henrique Cardoso. Se cambiaron el eje y el enfoque. A escala mundial nuestro país refuerza las relaciones Sur-Sur, priorizando específicamente las inversiones en infraestructura y cadenas productivas de América Latina y África. Brasil es hoy un motor del capitalismo mundial. Quien gane en las urnas comandará la 7ª economía mundal. read full story / add a comment
La primera vuelta de las elecciones presidenciales en Brasil trajo algunos problemas de continuidad para el gobierno de coalición.
brazil/guyana/suriname/fguiana / economía / opinión / análisis Tuesday October 14, 2014 09:52 byBrunoL   image 1 image
Bruno Lima Rocha*

El país líder de América Latina, de Mercosur y de los acuerdos diplomáticos latinoamericanos se ve hoy en una encrucijada. Existe un consenso desde el medio hacia abajo de la pirámide social brasileña. Nuestro votante medio admite de hecho un retroceso en términos de políticas públicas, no tolerando un discurso que implica la reducción del papel del Estado en la economía y en el logro de los avances en las condiciones materiales de la vida. Marina Silva, exministra del PT para el Medio Ambiente (en el primer gobierno y hasta la mitad del segundo gobierno de Lula) no pudo explicar cómo propone una "nueva política" y tuvo la participación de economistas neoliberales en su equipo formulador del programa de gobierno. El postulado por el PSDB, el senador Aécio Neves y su partido han tenido –y tienen– para explicar (y hacer creer) que en ningún caso irán a desmantelar el aparato de las políticas sociales del lulismo. read full story / add a comment
Outrora aliado histórico do PT, o PSB deixou de ser linha auxiliar da coalizão de governo para transforma-se em um pivô do eleitorado de centro-esquerda, largando a direita proto-keynesiana para se jogar na aventura da restauração neoliberal.
brazil/guyana/suriname/fguiana / economia / opinião / análise Friday October 10, 2014 08:20 byBrunoL   image 1 image
09 de Outubro de 2014 – Bruno Lima Rocha

O país líder da América Latina, do MERCOSUL e dos arranjos diplomáticos latino-americanos se vê numa encruzilhada. Há um consenso do meio para baixo da pirâmide social brasileira. Nosso eleitor mediano, de fato não admite um retrocesso em termos de políticas públicas, não tolerando um discurso que implique na redução do papel do Estado na economia e na garantia dos avanços nas condições materiais de vida. Marina não conseguiu explicar como propunha “nova política” e contava com participação de economistas neoliberais em sua equipe formuladora de programa de governo. Aécio teve – e terá – de se explicar (e fazer crer) que em nenhuma hipótese irá desmontar o aparato de políticas sociais do lulismo. read full story / add a comment
Dilma Rousseff (PT) teve cerca de 41,60% dos votos, seguida por Aécio Neves (PSDB) com 33,56% dos votos e Marina Silva (PSB) com 21,32% dos votos. Este é o quadro aproximado após a quase totalidade das urnas apuradas.
brazil/guyana/suriname/fguiana / community struggles / opinião / análise Monday October 06, 2014 10:10 byBrunoL   image 1 image
05 de outubro de 2014 Bruno Lima Rocha

Dilma Rousseff (PT) teve cerca de 41,60% dos votos, seguida por Aécio Neves (PSDB) com 33,56% dos votos e Marina Silva (PSB) com 21,32% dos votos. Este é o quadro aproximado após a quase totalidade das urnas apuradas. Podemos chegar a distintas conclusões do processo. Antes cabe um retrato imediato acompanhado por uma narrativa dos dias prévios do primeiro turno.
read full story / add a comment
17anosfag.gif
brazil/guyana/suriname/fguiana / miscellaneous / opinião / análise Saturday October 04, 2014 19:59 byFAG   image 1 image
As mobilizações de massa da juventude que escreverem um pedaço da história recente do Brasil com as Jornadas de Junho ainda não tiveram um final. A explosão das ruas anunciada pelos estudantes-trabalhadores do regime flexível, sujeitos da rotina neurótica e estafante das grandes cidades, agravada pela deterioração dos serviços e dos bens públicos, não foi satisfeita. As urgências populares pela ampliação dos seus direitos continuarão em cena, são dramas brasileiros cotidianos, e ainda vão latejar muito. Terão que ganhar potência em organizações de base e com um federalismo que una as rebeldias e não se deixe capturar pelas instituições. Não serão as eleições e a oferta dos partidos da democracia burguesa que confortarão o mal-estar que provoca o sistema. read full story / add a comment
Carta Maior. Publicado con el título “La presencia de Vargas en la elección de 2014” de fecha 20 de septiembre de 2014, el texto hace comparaciones plausibles entre el lulismo y el varguismo tardío.
brazil/guyana/suriname/fguiana / la izquierda / opinión / análisis Friday October 03, 2014 16:57 byBrunoL   image 1 image
Bruno Lima Rocha*

La campaña que se aproxima a la primera vuelta electoral presenta un momento interesante para hacer análisis a partir de posiciones definidas. Como se esperaba, la tendencia de centro-izquierda del gobierno de coalición intenta organizar una defensa inexorable del lulismo y ampliar su base de apoyo. Para demarcar una distancia con la izquierda no electoral en la situación, elegí hacer una crítica (rápida y pública) al texto del periodista Beto Almeida, publicado en el excelente portal pro gobierno Carta Maior. Publicado con el título “La presencia de Vargas en la elección de 2014” de fecha 20 de septiembre de 2014, el texto hace comparaciones plausibles entre el lulismo y el varguismo tardío. El autor, Beto Almeida es corresponsal de TELESUR en Brasil y un respetado periodista. Así, el debate que sigue no es de tipo destructivo, y aunque no concuerde con su paradigma inicial, mantendremos el tono respetuoso en función de la trayectoria del autor que es objeto de la crítica. read full story / add a comment
A Banca reclamou dos depósitos compulsórios e apostou as fichas em outras candidaturas. Agora, força a indicação do possível ministro da Fazenda do segundo governo Dilma.
brazil/guyana/suriname/fguiana / economia / opinião / análise Thursday October 02, 2014 08:00 byBruno Lima Rocha   image 1 image
1º de outubro de 2014 - Bruno Lima Rocha

Falta pouco e a escalada especulativa convoca para a necessidade de expormos pílulas da última semana antes do 1o turno nacional. Comecemos pela lógica de gerar fato político através da espiral da informação alarmista, retroalimentada pelas relações entre especialistas e negociantes. Vamos lá. O analista eleitoral Antônio Lavareda expressou na manhã de 3ª, 30 de setembro, na mais forte emissora de rádio da Província de São Pedro, a expectativa do "mercado financeiro" a respeito da primeira rodada eleitoral. Compara-se o momento com 2002, quando o ex-gerente de operações de George Soros, Armínio Fraga - hoje homem de confiança e operador do JP Morgan - era presidente do Banco Central. Na época, o dólar bateu R$ 4,00 e o "mercado" forçou uma situação de fato que terminou com a fatídica reunião dos executivos do mundo financeiro com o futuro ministro da Fazenda Antônio Palocci.
read full story / add a comment
marina_1.jpg
brazil/guyana/suriname/fguiana / economía / opinión / análisis Thursday September 25, 2014 17:25 byBrunoL   image 1 image
Bruno Lima Rocha*

En la recta final de la primera vuelta de las elecciones presidenciales brasileñas, faltando menos de veinte días para el pleito, parece que finalmente hubo un ajuste en la estrategia de campaña del partido de gobierno (PT) y en la defensa del mandato de la presidente Dilma Rousseff. Como habíamos dicho anteriormente, el peor de los mundos para la situación sería una versión del lulismo más potable para los operadores mediáticos y con libre tráfico para los agentes con poder de veto. Tal producto del marketing político es la ex-ministra del Medioambiente Marina Silva. Y su mayor virtud publicitaria termina por volverse el blanco visible y concreto de los ex-correligionarios petistas.
read full story / add a comment
Dilma Rousseff então ministra da Casa Civil, o criador do lulismo e sua versão amazônica genérica, a então ministra do Meio Ambiente Marina Silva. À época, Marina tentava ser ungida pelo padrinho político
brazil/guyana/suriname/fguiana / economia / opinião / análise Friday September 19, 2014 08:53 byBrunoL   image 1 image
Bruno Lima Rocha, 18 de setembro de 2014

Na reta final do 1º turno, faltando menos de vinte dias para o pleito, parece que finalmente houve um ajuste da estratégia de campanha do partido de governo (PT) e da defesa do mandato da presidente Dilma Rousseff. Como havíamos dito anteriormente, o pior dos mundos para a situação seria uma versão do lulismo mais palatável para os operadores midiáticos e com livre trânsito nos agentes com poder de veto. Tal produto de marketing político é a ex-ministra do Meio Ambiente Marina Silva. E, sua maior virtude publicitária, termina por tornar-se o alvo visível e concreto dos ex-correligionários petistas.
read full story / add a comment
logo_novo_cab_menor_1.jpg
brazil/guyana/suriname/fguiana / workplace struggles / opinião / análise Thursday September 18, 2014 16:23 byCoordenação Anarquista Brasileira   image 1 image
No primeiro semestre de 2014, a luta de diversas categoriais de trabalhadores (as) ganharam as ruas para o desespero de patrões e governos. O contra-ataque dos poderosos teve a ajuda da grande mídia, que tentou criminalizar os protestos e desmobilizar os lutadores. Isso ocorreu antes, durante e depois da Copa do Mundo, momento em que os noticiários buscavam legitimar as ações violentas dos aparelhos repressivos do Estado e seus governantes. Na sequência, vieram também as perseguições políticas e prisões de dezenas de manifestantes de forma autoritária, violando os meios democráticos e direitos humanos. [English] read full story / add a comment
logo_novo_cab_menor_1.jpg
brazil/guyana/suriname/fguiana / workplace struggles / opinion / analysis Monday September 15, 2014 15:31 byBrazilian Anarchist Coordination (CAB) - union front   image 1 image
In the first half of 2014, the struggles of diverse categories of workers were taken to the streets to the dismay of bosses and governors. The powerful’s counterattack was supported with the help of the mainstream media, which tried to criminalise the protests and demobilise the strugglers. This happened before, during and after the World Cup – a time in which the news sought to legitimise the violent actions of the repressive apparatus of the state and its leaders. Following this came the political persecutions and arrests of dozens of protestors in an authoritarian manner, violating democratic means and human rights. [Português] read full story / add a comment
logo_novo_cab_menor.jpg
brazil/guyana/suriname/fguiana / a esquerda / feature Saturday September 13, 2014 12:51 byCoordenação Anarquista Brasileira (CAB)   image 1 image
Para nós Socialistas Libertários, a política dos de baixo não se faz nas urnas, mas no cotidiano do protagonismo de classe e da ação direta. Falar disso no atual momento não significa mais remeter a abstrações ou ao passado “dos anos dourados dos movimentos de massa”, mas remeter a algo que evoca no imaginário coletivo um real exercício do poder do povo. Sem sermos ingênuos acreditando que só ir as ruas basta, sabemos que a falta de organização de base fragiliza os processos de mobilização e facilitam as tentativas de controle pelos dominantes. Deste modo, nossa aposta é nas Ruas como espaço privilegiado da ação política, mas também é a aposta na organização horizontal e de base que fortalece a ação direta, com uma agenda popular que delibera, encaminha e executa seu programa: um programa dos de baixo, que não delega poder a nenhum político de plantão. Ou se vota com os de cima, ou se organiza e se luta com os de baixo! read full story / add a comment
O doleiro Alberto Youssef e operador de dentro da Petrobrás, Paulo Roberto Costa, alvos da Operação Lava Jato. A cada ação da PF, temos as figuras-chave dos operadores de dentro do aparelho de Estado e os elementos de ligação com empresas contratadas e po
brazil/guyana/suriname/fguiana / economia / opinião / análise Wednesday September 10, 2014 07:53 byBrunoL   image 1 image
10 de setembro de 2014, Bruno Lima Rocha

Costumo perseguir os padrões de permanência do fazer político, especificamente do Jogo Real, que é o conjunto de regras concretas (legais ou não), moralmente defensáveis ou não, formando partes constitutivas das disputas eleitorais e da gestão do Estado capitalista. Infelizmente, parece que é a sina da esquerda eleitoral tornar-se a força renovadora da política tradicional. Assim os discursos vão lavando e de programa mínimo em programa mínimo, de pragmatismo em praticidade.
read full story / add a comment
Marina Silva a la presidencia” oprime el botón rojo en la campaña tucana (el tucán es un pájaro y también el apodo de los afiliados al PSDB) y da la alerta máxima al Palacio de Planalto (sede del poder central en Brasil).
brazil/guyana/suriname/fguiana / economía / opinión / análisis Saturday September 06, 2014 08:07 byBrunoL   image 1 image
Bruno Lima Rocha*

La muerte del ex gobernador de Pernambuco y candidato a presidente por el PSB, Eduardo Campos, ocurrida el 13 de agosto alteró el escenario electoral brasilero. Hasta su fallecimiento en un desastre aéreo en la ciudad de Santos, en el litoral del Estado de San Pablo, la presencia de su candidata a vicepresidenta, la ex ministra del Medio Ambiente de Lula, Marina Silva, era una mezcla de discreción con un poco de compromiso. Durante una semana circuló la especulación en torno a las opciones de la mesa Ejecutiva Nacional de los herederos políticos de Miguel Arraes, si los caciques del PSB arriesgarían una chance de victoria electoral que puede convertirse en una rotunda derrota política. Por lo visto las esperanzas de las urnas y el pacto de compromiso político ondearon “la mosca azul” para Roberto Amaral, Beto Albuquerque, Luiza Erundina y compañía. Le va a tocar al diputado federal y ex secretario de Olivio Dutray y Tarso Genro (en los gobiernos estadales de Río Grande del Sur) Beto Albuquerque el papel de asegurar la alianza del compromiso político y además frenar la idiosincrasia de la “estrella” acreana (natural del estado de Acre, donde vivía Chico Mendes) disidente del PT. read full story / add a comment
Lula presidente, ao centro, rodeado de suas criaturas (ao menos na política nacional). Ao não ser ungida sucessora, a então ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, abandona a sigla que ajudara a fundar na Amazônia para disputar contra a ex-pedetista.
brazil/guyana/suriname/fguiana / miscellaneous / opinião / análise Wednesday September 03, 2014 09:39 byBrunoL   image 1 image
Bruno Lima Rocha, 02 de agosto de 2014

Neste breve texto, aponto três aberrações, duas sistêmicas e uma na forma de pessoa física, todas estas características da ex-esquerda outrora reformista. Hoje a legenda de Luiz Inácio, José Dirceu e José Genoino amarga uma eleição apertada e com reais chances de sair derrotada para uma dissidência personalista de si mesma.
read full story / add a comment
Na ausência de plena capacidade de participação e crítica, a democracia representativa acaba se tornando um ritual onde os que decidem pouco percebem sobre o que estão decidindo.
brazil/guyana/suriname/fguiana / economia / opinião / análise Saturday August 30, 2014 09:06 byBrunoL   image 1 image
Bruno Lima Rocha, 28 de agosto de 2014

No meio da corrida eleitoral de 1º turno, onde a 7ª economia do mundo vai decidir seu destino consultando a vontade e desinformação da 79ª sociedade mundial em índice de IDH, é preciso fazer uma série de reflexões. Para tal, precisamos ir além da denúncia do esvaziamento da democracia em sua versão liberal e indireta. Entendo que vivemos um problema estruturante, que tem relação direta com dois fenômenos. O primeiro passa pela individualização do cotidiano, com tarefas que se multiplicam e tempos esgotados. O capitalismo em sua era informacional não dá tempo hábil para a vida coletiva e menos ainda para as experiências políticas massivas. Quando isto ocorre, temos uma “crise”, como em junho de 2013. Saudável “crise” por sinal.
read full story / add a comment

This page has not been translated into Türkçe yet.

This page can be viewed in
English Italiano Deutsch

Brazil/Guyana/Suriname/FGuiana

Sat 22 Nov, 17:21

browse text browse image

tropa_de_choque_em_sc3a3o_paulo_1.jpg imageContro i Mondiali e contro la repressione: seminare lotta e organizzazione! 13:50 Thu 26 Jun by Coordenação Anarquista Brasileira 0 comments

L'insieme di lotte e conflitti sindacali e sociali in corso nel paese prima e durante i Mondiali di Calcio tiene sotto pressione il governo federale, alcuni governi statali, municipi e padroni, generando una guerra dei nervi nei principali centri urbani del paese. [Português

cab.jpg imageCampagna "La protesta non è un crimine!" 04:18 Mon 23 Jun by Coletivo Anarquista Bandeira Negra 0 comments

L'anno scorso, le strade delle città del Brasile vennero attraversate da diverse manifestazioni. Rivendicazioni per il trasporto pubblico a tariffa zero, scioperi di diverse categorie che ruppero con le dirigenze sindacali burocratizzate e mobilitazioni contro i danni provocati dalla Copa do Mundo crearono uno scenario di delegittimazione e di rottura degli oppressi verso lo Stato ed il Capitale.

fob.jpg imageSolidariedade aos companheiros e companheiras da FOB de Rosário 17:28 Mon 07 Apr by Coordenação Anarquista Brasileira (CAB) 0 comments

Difundimos a mensagem de denúncia dos atentados e ameaças que companheiros e companheiras da Federación de Organizaciones de Base (FOB) de Rosário têm sofrido por parte do crime organizado articulado com membros do Estado.

as.jpg imageParution en français du livre "Anarchisme social et organisation" de la FARJ 19:12 Tue 22 Oct by Brasero Social 0 comments

Un livre pour comprendre l’especifismo, courant organisateur anarchiste né en amérique latine

farjsol.jpg imageSolidarité avec ceux et celles qui sont persécutéEs par le terrorisme d'Etat à Rio de Janeiro 20:13 Tue 15 Oct by Federação Anarquista do Rio de Janeiro 0 comments

Nous, membres de la Fédération Anarchiste de Rio de Janeiro, dénonçons de manière véhémente les actes récents de persécution mis en œuvre par l'Etat brésilien à Rio de Janeiro. Nous voulons affirmer notre solidarité avec les camarades du Frente independente Populair (Front indépendant Populaire), l'Organização Anarquista Terra e Liberdade (Organisation Anarchiste Terre et liberté - OATL) et l'ensemble des nombreux camarades (17 mandats de perquisitions) qui ont été reveilléEs par les cris de la Police fédérale et de la Police civile frappant à leur porte. [Português]

farjsol_1.jpg imageΒραζιλία: Αλληλεγγ&#... 20:08 Tue 15 Oct by Dmitri 0 comments

Εμείς από την Ομοσπονδία Αναρχικών του Ρίο Ντε Τζανέιρο απορρίπτουμε κατηγορηματικά τις τελευταίες πολιτικές διώξεις από την Βραζιλιάνικη κυβέρνηση στο Ρίο Ντε Τζανέιρο. Θέλουμε να δείξουμε την αλληλεγγύη μας στoυς συντρόφους του Frente Independente Popular (Ανεξάρτητο Λαϊκό Μέτωπο), την Organização Anarquista Terra e Liberdade ( Αναρχική Οργάνωση για την γη και την ελευθερία-ΟΑTL) και τους πολλούς συντρόφους ( 17 εντάλματα) που ξύπνησαν από τις κλήσεις της ομοσπονδιακής αστυνομίας και της αντιτρομοκρατικής, που χτύπησαν τις πόρτες τους.

farjsol.jpg imageSolidarity with those persecuted by State terrorism in Rio de Janeiro! 17:31 Mon 14 Oct by Federação Anarquista do Rio de Janeiro 0 comments

We of the Federação Anarquista do Rio de Janeiro vehemently repudiate the latest acts of political persecution promoted by the Brazilian State in Rio de Janeiro. We wish to show our solidarity with the companions of the Frente Independente Popular, the Organização Anarquista Terra e Liberdade and all the many comrades (17 warrants) who woke up to calls from the Federal Police and the Civil Police, banging on their doors. [Português]

farjsol.jpg imageToda solidariedade aos perseguidos e perseguidas pelo terrorismo de Estado no Rio de Janeiro! 17:20 Mon 14 Oct by Federação Anarquista do Rio de Janeiro 0 comments

Nós da Federação Anarquista do Rio de Janeiro repudiamos veementemente os últimos atos de perseguição política promovida pelo Estado brasileiro no Rio de Janeiro. Deixamos aqui registrada nossa solidariedade aos companheiros e companheiras da Frente Independente Popular, da Organização Anarquista Terra e Liberdade e todos os outros muitos companheiros e companheiras (17 mandados) que amanheceram com intimações da Polícia Federal e da Polícia Civil batendo em suas portas. [English]

saogabriel.jpg imageDe Yeda a Tarso reforma agrária segue sendo caso de polícia em São Gabriel. 17:00 Mon 07 Oct by Federação Anarquista Gaúcha 0 comments

Localizado à mais de 80 kms de qualquer centro urbano, cravado na divisa dos municípios de Santa Maria e São Gabriel, o assentamento Madre Terra é uma pequena ilha da agricultura familiar rodeada de latifúndio e monocultura por todos os lados, onde algumas dezenas de famílias extremamente pobres lutam para ganhar a vida plantando arroz orgânico e produzindo diversos outros alimentos mesmo à contragosto dos governos e do agronegócio. Esse assentamento foi criado pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) em 2009. Porém, de lá pra cá, se passaram quatro anos e nada do que foi planejado e prometido por parte do órgão à essas famílias foi realizado.

no_se_intimidar.jpg imageURGENT : Nouveau raid policier contre les locaux de la FAG. 19:32 Sat 05 Oct by Evandro Couto 0 comments

Le Gouvernement Parti des travailleurs (PT - Partido dos Trabalhadores) du Rio Grande del Sul (Bresil) mène une chasse aux sorcières et s'en prend aux domiciles et aux locaux publics d'organisations gauchistes et de mouvements sociaux.
Dans l'après midi du mardi 1er octovre 2013, l' Ateneu Libertário A Batalha da Várzea, qui est utilisé à des fins politiques et sociales par la Federação Anarquista Gaúcha (FAG) a été attaqué pour la seconde fois par les forces répressives du gouvenement PT de Tarso Genro. La porte des locaux a été fracassée et l'intérieur et les équipements ont été retournés.
Sur une table un message a été laissé qui disait « je suis passé par là et la porte était ouverte. Je voudrais participer à la FAG »
La journée de mardi a débuté par une forte répression déchaînée par le gouvernement et la justice de l'Etat contre des activistes du Bloco de Lutas (Bloc de lutte) et d'organisations gauchistes. Des perquisitions dans des domiciles, des locaux publics gauchistes, et les locaux de campagnes d'autres camarades ont été menées tout au long de la journée.
Il est question au total de plus de 70 mandats de perquisitions devant être exécutés. Le jeudi précédent, pendant la dispersion d'une manifestation publique du Bloco de Lutas, 5 camarades ont été arrêtés et inculpés. Le Gouvernement Tarso veut faire taire les protestations sociales échappant à son contrôle : ne soyez pas trompéEs par ses manipulations rhérotiques, ne soyez pas intimidéEs par les mesures répressives. Português]

more >>

imageCenário pós-eleitoral – as marchas de 15 de novembro e o epicentro da política brasileira em São Pau... Nov 20 by BrunoL 0 comments

O debate a respeito do cenário pós-eleitoral, ao contrário do que muitos esperavam, não se atenuou. Aumenta a intensidade dos protestos por direita, e, ao mesmo tempo, abre-se todo um leque de possibilidades para colocar o governo reeleito contra a parede, diminuindo ainda mais sua estreita margem de manobra. Podemos identificar quatro possibilidades dentro do cenário complexo onde se realizam arenas simultâneas de embate.

São estes:

imageDebatendo com Carlos Alberto Sardenberg - as caracterizações e sinais de Dilma Rousseff diante da en... Nov 19 by BrunoL 0 comments

Poucas vezes pude concordar tanto com Sardenberg (se é que não foi primeira), âncora da CBN, colunista do Jornal da Globo, blogueiro e jornalista da velha guarda no rumo inexorável da curva à direita já feita por Paulo Francis, dentre outros. O comentarista de economia do jornal noturno da empresa líder sugere para Dilma a cópia do modelo de comportamento chinês, pois segundo o próprio:

"Os líderes chineses têm uma habilidade especial para adotar políticas pró-mercado com uma retórica de esquerda para agradar esse lado do Partido. Vire à direita, dê sinal à esquerda — tal é o ensinamento."

imageAnálise de conjuntura pós-eleitoral – passada uma semana da reeleição, a chantagem institucionalizad... Nov 03 by BrunoL 0 comments

Análise de conjuntura pós-eleitoral – passada uma semana da reeleição, a chantagem institucionalizada e o caminho para um governo acuado

Bruno Lima Rocha, 1º de novembro de 2014

O domingo dia 26 de outubro foi um marco na história política recente do país. O mesmo projeto de governo emplacava seu quarto mandato consecutivo, realizando a proeza de reeleger uma ex-guerrilheira indicada como sucessora de um ex-dirigente sindical. Tudo seria um mar de rosas, se estas mesmas rosas, ao contrário do que disse Mestre Cartola, não roubam “perfumes de musas do carnaval” e sim o odor fétido do submundo da política oligárquica que todos vêem e ainda poucos são taxativos a este respeito. Se pudermos caracterizar o momento do curtíssimo prazo pós-reeleição, trata-se de algo muito perigoso.

imageLos financistas del mundo y la elección en Brasil Oct 24 by BrunoL 0 comments

La segunda vuelta de las elecciones brasileras tiene relación directa con: la proyección del país, la alianza estratégica del bloque político del Mercado Común del Sur (MERCOSUR) y el alineamiento del Brasil dentro de la globalización corporativa: La política exterior de Lula extendida por Dilma (con algunas correcciones en su pragmatismo) es estructuralmente distinta de la del período de Fernando Henrique Cardoso. Se cambiaron el eje y el enfoque. A escala mundial nuestro país refuerza las relaciones Sur-Sur, priorizando específicamente las inversiones en infraestructura y cadenas productivas de América Latina y África. Brasil es hoy un motor del capitalismo mundial. Quien gane en las urnas comandará la 7ª economía mundal.

imageBrasil y la Carrera Electoral en la segunda vuelta – 1 Oct 14 by BrunoL 0 comments

Bruno Lima Rocha*

El país líder de América Latina, de Mercosur y de los acuerdos diplomáticos latinoamericanos se ve hoy en una encrucijada. Existe un consenso desde el medio hacia abajo de la pirámide social brasileña. Nuestro votante medio admite de hecho un retroceso en términos de políticas públicas, no tolerando un discurso que implica la reducción del papel del Estado en la economía y en el logro de los avances en las condiciones materiales de la vida. Marina Silva, exministra del PT para el Medio Ambiente (en el primer gobierno y hasta la mitad del segundo gobierno de Lula) no pudo explicar cómo propone una "nueva política" y tuvo la participación de economistas neoliberales en su equipo formulador del programa de gobierno. El postulado por el PSDB, el senador Aécio Neves y su partido han tenido –y tienen– para explicar (y hacer creer) que en ningún caso irán a desmantelar el aparato de las políticas sociales del lulismo.

more >>

imageContro i Mondiali e contro la repressione: seminare lotta e organizzazione! Jun 26 CAB 0 comments

L'insieme di lotte e conflitti sindacali e sociali in corso nel paese prima e durante i Mondiali di Calcio tiene sotto pressione il governo federale, alcuni governi statali, municipi e padroni, generando una guerra dei nervi nei principali centri urbani del paese. [Português

imageCampagna "La protesta non è un crimine!" Jun 23 membro della Coordenação Anarquista Brasileira 0 comments

L'anno scorso, le strade delle città del Brasile vennero attraversate da diverse manifestazioni. Rivendicazioni per il trasporto pubblico a tariffa zero, scioperi di diverse categorie che ruppero con le dirigenze sindacali burocratizzate e mobilitazioni contro i danni provocati dalla Copa do Mundo crearono uno scenario di delegittimazione e di rottura degli oppressi verso lo Stato ed il Capitale.

imageSolidarité avec ceux et celles qui sont persécutéEs par le terrorisme d'Etat à Rio de Janeiro Oct 15 FARJ-CAB 0 comments

Nous, membres de la Fédération Anarchiste de Rio de Janeiro, dénonçons de manière véhémente les actes récents de persécution mis en œuvre par l'Etat brésilien à Rio de Janeiro. Nous voulons affirmer notre solidarité avec les camarades du Frente independente Populair (Front indépendant Populaire), l'Organização Anarquista Terra e Liberdade (Organisation Anarchiste Terre et liberté - OATL) et l'ensemble des nombreux camarades (17 mandats de perquisitions) qui ont été reveilléEs par les cris de la Police fédérale et de la Police civile frappant à leur porte. [Português]

imageSolidarity with those persecuted by State terrorism in Rio de Janeiro! Oct 14 FARJ-CAB 0 comments

We of the Federação Anarquista do Rio de Janeiro vehemently repudiate the latest acts of political persecution promoted by the Brazilian State in Rio de Janeiro. We wish to show our solidarity with the companions of the Frente Independente Popular, the Organização Anarquista Terra e Liberdade and all the many comrades (17 warrants) who woke up to calls from the Federal Police and the Civil Police, banging on their doors. [Português]

imageToda solidariedade aos perseguidos e perseguidas pelo terrorismo de Estado no Rio de Janeiro! Oct 14 FARJ-CAB 0 comments

Nós da Federação Anarquista do Rio de Janeiro repudiamos veementemente os últimos atos de perseguição política promovida pelo Estado brasileiro no Rio de Janeiro. Deixamos aqui registrada nossa solidariedade aos companheiros e companheiras da Frente Independente Popular, da Organização Anarquista Terra e Liberdade e todos os outros muitos companheiros e companheiras (17 mandados) que amanheceram com intimações da Polícia Federal e da Polícia Civil batendo em suas portas. [English]

more >>
© 2005-2014 Anarkismo.net. Unless otherwise stated by the author, all content is free for non-commercial reuse, reprint, and rebroadcast, on the net and elsewhere. Opinions are those of the contributors and are not necessarily endorsed by Anarkismo.net. [ Disclaimer | Privacy ]