user preferences

New Events

Internacional

no event posted in the last week

A directiva de retorno instaura o fascismo na Europa

category internacional | imperialismo / guerra | comunicado de imprensa author Thursday June 19, 2008 02:26author by Colectivo Luta Social - (tradução)author email iniciativalutasocial at gmail dot com Report this post to the editors

COMUNICADO da CGT-Espanha

Hoje é o dia da vergonha, o dia europeu da caça à pessoa imigrante, o dia em que os direitos humanos deixaram de ser universais. Hoje foi aprovada a Directiva sobre a detenção e expulsão das pessoas estrangeiras pelo Parlamento Europeu, cuja redacção tinha sido anteriormente aprovada pelos governos da União Europeia.

A directiva da Vergonha constrói-se basicamente sobre duas medidas repressivas: generalização antidemocrática do internamento arbitrário até 18 meses das pessoas indocumentadas; e o retorno forçado, sem possibilidade de voltar a pisar o solo europeu durante 5 anos.

A Europa transforma-se numa fortaleza militarizada ao mesmo tempo que paraíso para o movimento de capitais, produtos e serviços, militarizada e que criminaliza o simples facto de ser imigrante sem recursos e sem documentos, seres humanos que serão forçados a retornar, sem possibilidade de voltar a pisar solo europeu como se fossem criminosos perigosos.

A Directiva de Retorno recém aprovada, constitui a expressão máxima do retrocesso calculado, desenhado pelas elites políticas e económicas europeias em matéria de direitos humanos. Esta agressão centra-se agora na legitimação da inexistência de direitos para as pessoas migrantes, para quem estão preparadas prisões especiais sem garantias jurídicas e com tempos de detenção arbitrários, além do retorno forçado sem possibilidade de regresso. Mas, uma vez dado este passo, quem garante que a breve prazo não se eliminem direitos fundamentais aos que ostentam o duvidoso título de cidadãos/ãs?

Agora - com mais afinco e menos travões - as forças de segurança dos países da UE poderão dedicar-se com impunidade à caça ao imigrante, a deportação brutal com colorações fascistas na Itália de Berlusconi. Agora, com alguma hipocrisia mais, no resto dos países europeus, que estão a pôr em prática isto gostosamente. Dentro de pouco tempo veremos as estatísticas destas indignas e particulares olimpíadas, em que se disputa o primeiro lugar de ser o país com maior número de imigrantes caçados e expulsos. Muitos de nós temem que os primeiros lugares caberão ao reino de Espanha e à república de Itália.

Mas, a vergonha deste dia, não a transportam apenas os governos e os euro- parlamentares, sem dúvida trata-se da vergonha de todas e todos, de nós europeus/eias, das sociedades embriagadas pelo consumismo e o medo, é a vergonha da nossa incapacidade para dar resposta ao capitalismo totalitário de uma UE, que para lá da crise provocada pelo 'não' irlandês ao novo Tratado, está disposta a impor a sua forma de governo antidemocrática e as finanças acima dos direitos e das necessidades das pessoas.

CONFEDERACIÓN GENERAL DEL TRABAJO


http://www.luta-social.org/2008/06/comunicado-da-cgt-espanha-directiva-de.html

Related Link: http://www.luta-social.org

This page has not been translated into Français yet.

This page can be viewed in
English Italiano Deutsch
Issue #3 of the Newsletter of the Tokologo African Anarchist Collective

Front page

Elementos da Conjuntura Eleitoral 2014

The experiment of West Kurdistan (Syrian Kurdistan) has proved that people can make changes

[Chile] EL FTEM promueve una serie de “jornadas de debate sindical”

Ukraine: Interview with a Donetsk anarchist

The present confrontation between the Zionist settler colonialist project in Palestine and the indigenous working people

Prisões e mais criminalização marcam o final da Copa do Mundo no Brasil

An Anarchist Response to a Trotskyist Attack: Review of “An Introduction to Marxism and Anarchism” by Alan Woods (2011)

هەڵوێستی سەربەخۆی جەماوەر لە نێوان داعش و &

Contra a Copa e a Repressão: Somente a Luta e Organização!

Nota Pública de soldariedade e denúncia

Üzüntümüz Öfkemizin Tohumudur

Uruguay, ante la represión y el abuso policial

To vote or not to vote: Should it be a question?

Mayday: Building A New Workers Movement

Anarchist and international solidarity against Russian State repression

Argentina: Atentado y Amenazas contra militantes sociales de la FOB en Rosario, Santa Fe

Réponses anarchistes à la crise écologique

50 оттенков коричневого

A verdadeira face da violência!

The Battle for Burgos

Face à l’antisémitisme, pour l’autodéfense

Reflexiones en torno a los libertarios en Chile y la participación electoral

Mandela, the ANC and the 1994 Breakthrough: Anarchist / syndicalist reflections

Melissa Sepúlveda "Uno de los desafíos más importantes es mostrarnos como una alternativa real"

Internacional | Imperialismo / Guerra | Comunicado de imprensa | pt

Thu 18 Sep, 05:42

browse text browse image

Sorry, no stories matched your search, maybe try again with different settings.

imageA Aliança do Pacífico e o mito do livre-comércio Jun 02 by Bruno Lima Rocha 0 comments

Os quatro presidentes da nova versão, agora minimalista, da moribunda ALCA, sub-projeto do Império para as Américas

imageA encruzilhada venezuelana e a hegemonia latino-americana Mar 15 by Bruno Lima Rocha 0 comments

A verdade dura e crua é que, sem a pressão da Venezuela, o Brasil teria aceitado os planos da Área de Livre Comércio para as Américas (ALCA) e, fatalmente, seríamos sócios minoritários dos EUA na aliança.

imageEditorial do Caderno Luta Social Nº5 ( Jan. 2010) Jan 16 by Colectivo Luta Social (Portugal) 1 comments

Já se pode baixar em Caderno Luta social Nº5

imagePrêmio Nobel da Guerra Nov 11 by José Antonio Gutiérrez D. 0 comments

Nunca fui muito bom em matemática, mas o seguinte cálculo é bastante exato. Somam-se 10.000 tropas novas no Afeganistão, violações sistemáticas nas ocupações deste país e do Iraque, silêncio cúmplice diante de dois genocídios, um em Gaza e outro no Sri Lanka (onde ainda há 300.000 seres humanos em campos de concentração), um golpe de Estado em Honduras em que a participação norte-americana foi algo que todos sabiam – mas que ninguém quis denunciar diretamente (ainda que o tiro tenha saído pela culatra) –, sete novas bases militares na Colômbia, e o que temos de resultado? Um prêmio Nobel da “Paz” para o presidente dos E.U.A., Barack Obama. [Castellano]

imageUm problema mundial chamado NATO Oct 08 by «Esquerda Desalinhada» 0 comments

A movimentação contra a NATO, para ser eficaz e genuina, terá de ter duas metas:
• Deve incidir sobre o encerramento da NATO, única forma de resolver o problema e criar um ambiente global de paz;
• Deverá unir todos os povos ameaçados pela sua existência, quer integrantes dos países-membros, quer das nações actualmente vítimas das suas intervenções, quer daqueles que se poderão situar na sua linha de mira para actuações próximas

more >>
Sorry, no press releases matched your search, maybe try again with different settings.
© 2005-2014 Anarkismo.net. Unless otherwise stated by the author, all content is free for non-commercial reuse, reprint, and rebroadcast, on the net and elsewhere. Opinions are those of the contributors and are not necessarily endorsed by Anarkismo.net. [ Disclaimer | Privacy ]