user preferences

New Events

Brazil/Guyana/Suriname/FGuiana

no event posted in the last week
Recent articles by Militante Anarquista!
This author has not submitted any other articles.
Recent Articles about Brazil/Guyana/Suriname/FGuiana Workplace struggles

Nota Pública de soldariedade e denúncia Jun 02 14 by Sindicato dos Municipários de Cachoeirinha

Solidariedade aos companheiros e companheiras da FOB de Rosário Apr 07 14 by Coordenação Anarquista Brasileira (CAB)

O Sindicato Feb 16 14 by Franz Ícaro de Sá Silva

Encontro Nacional da Classe Trabalhadora!(Brasil)

category brazil/guyana/suriname/fguiana | workplace struggles | other libertarian press author Thursday February 22, 2007 01:16author by Militante Anarquista! - Conlutasauthor email conlutas at conlutas dot org dot brauthor address www.conlutas.org.brauthor phone Fone: (11) 3107 – 7984 Report this post to the editors

Construir a unidade em defesa da aposentadoria e dos direitos sociais, sindicais e trabalhistas!

Reuniremos para esta luta organizações sindicais, movimentos sociais e populares, estudantes, todos e todas que queiram lutar em defesa dos direitos e interesses da classe trabalhadora.
Você está convidado. Esta luta também é sua!

Encontro Nacional

Construir a unidade em defesa da aposentadoria e dos direitos sociais, sindicais e trabalhistas!

Organizar a luta para manter e ampliar direitos da classe trabalhadora!



Os trabalhadores brasileiros vêm sofrendo, nos últimos anos, ataques aos seus direitos, como se isso fosse necessário para resolver os graves problemas que afetam nosso país. O atual governo e a grande imprensa afirmam que medidas, tais como a Reforma da Previdência e a Reforma das Leis Trabalhistas são imprescindíveis para a retomada do crescimento econômico, isto é, os trabalhadores precisariam perder mais direitos para terem seus postos de trabalho, só que está claro que somente banqueiros e grandes empresários são beneficiados com esse jogo. Essas reformas já estão em curso e exemplo disso é o Fórum Nacional do Trabalho, constituído pelo governo para impulsionar a flexibilização dos nossos direitos trabalhistas e sindicais. O anunciado Fórum Nacional da Previdência tem por objetivo fazer crer que a retirada dos direitos previdenciários seria produto de negociação com a sociedade.

Essa é a lógica do anunciado Programa de Aceleração do Crescimento, PAC, que prevê a redução dos recursos para educação, saúde, ciência e tecnologia; usa os recursos do FGTS para subsidiar investimentos das empresas, mas não pretende mexer na transferência de recursos públicos para os grandes empresários e banqueiros, reservando 240 bilhões de reais no orçamento de 2007 para pagamento e amortização das dívidas interna e externa.

É preciso dar um basta nesta situação

Precisamos impedir que se realize uma Reforma da Previdência que tem como único objetivo atacar a aposentadoria e os nossos direitos. Não podemos aceitar a realização de uma Reforma Sindical e Trabalhista que pretende eliminar nossos direitos, conquistados com muita luta e sacrifício. É preciso combater a Reforma Universitária em curso, que privatiza o ensino superior, e a Reforma Tributária pretendida pelo governo, que concentra ainda mais a renda do país nas mãos de poucos privilegiados.

É preciso avançar e não retroceder. Os patrões têm lucrado muito através da exploração de nossa força de trabalho, portanto é preciso lutar por emprego, salário digno para todos e para mantermos e ampliarmos os nossos direitos, sejam eles previdenciários, sociais, trabalhistas e sindicais. É possível no país fazer a reforma agrária, garantir moradia, serviço público de qualidade para todos. O Brasil pode e deve retomar o patrimônio público que foi privatizado, começando por anular o Leilão que privatizou a Vale do Rio Doce, e parar as privatizações em curso. Pode e deve parar a sangria de recursos públicos representada pelo pagamento das Dívidas Interna e Externa e investir no que de fato interessa à maioria da população brasileira.

É para lutar em defesa dessas reivindicações que estamos construindo uma ampla unidade de diversos segmentos da classe trabalhadora.
No Encontro Nacional que realizaremos em março, na cidade de São Paulo, queremos consolidar esta unidade e lançar um amplo processo de mobilização social, capaz de transformar em realidade nossas reivindicações. Reuniremos para esta luta organizações sindicais, movimentos sociais e populares, estudantes, todos e todas que queiram lutar em defesa dos direitos e interesses da classe trabalhadora.
Você está convidado. Esta luta também é sua!





:: Arte do folheto do Encontro

- Clique para baixar o Arquivo pdf (2.162 kb) em alta resolução para impressão.




TODOS AO ENCONTRO NACIONAL

Dia 25 de março de 2007

No Ginásio Mauro Pinheiro - Rua Abílio Soares 1300 - Paraíso - São Paulo - SP

CONLUTAS; FST (Fórum Sindical dos Trabalhadores); INTERSINDICAL, MTL(Movimento Terra Trabalho e Liberdade); MTST(Movimento do Trabalhadores Sem Teto); CEBs/PASTORAIS SOCIAIS/SP, ANDES/SN; ASSIBGE; COBAP; CONDSEF; FENAFISCO; FENASPS; SINAIT; SINASEFE

Related Link: http://www.conlutas.org.br/noticias/noticias_2007_02_14...l.htm

This page has not been translated into Ελληνικά yet.

This page can be viewed in
English Italiano Deutsch
E

Front page

The experiment of West Kurdistan (Syrian Kurdistan) has proved that people can make changes

[Chile] EL FTEM promueve una serie de “jornadas de debate sindical”

Ukraine: Interview with a Donetsk anarchist

The present confrontation between the Zionist settler colonialist project in Palestine and the indigenous working people

Prisões e mais criminalização marcam o final da Copa do Mundo no Brasil

An Anarchist Response to a Trotskyist Attack: Review of “An Introduction to Marxism and Anarchism” by Alan Woods (2011)

هەڵوێستی سەربەخۆی جەماوەر لە نێوان داعش و &

Contra a Copa e a Repressão: Somente a Luta e Organização!

Nota Pública de soldariedade e denúncia

Üzüntümüz Öfkemizin Tohumudur

Uruguay, ante la represión y el abuso policial

To vote or not to vote: Should it be a question?

Mayday: Building A New Workers Movement

Anarchist and international solidarity against Russian State repression

Argentina: Atentado y Amenazas contra militantes sociales de la FOB en Rosario, Santa Fe

Réponses anarchistes à la crise écologique

50 оттенков коричневого

A verdadeira face da violência!

The Battle for Burgos

Face à l’antisémitisme, pour l’autodéfense

Reflexiones en torno a los libertarios en Chile y la participación electoral

Mandela, the ANC and the 1994 Breakthrough: Anarchist / syndicalist reflections

Melissa Sepúlveda "Uno de los desafíos más importantes es mostrarnos como una alternativa real"

On Sectarianism

Brazil/Guyana/Suriname/FGuiana | Workplace struggles | pt

Wed 03 Sep, 07:56

browse text browse image

fob.jpg imageSolidariedade aos companheiros e companheiras da FOB de Rosário 18:28 Mon 07 Apr by Coordenação Anarquista Brasileira (CAB) 0 comments

Difundimos a mensagem de denúncia dos atentados e ameaças que companheiros e companheiras da Federación de Organizaciones de Base (FOB) de Rosário têm sofrido por parte do crime organizado articulado com membros do Estado.

fag.jpeg imageÉ hora de avançar! 22:47 Mon 08 Apr by Federação Anarquista Gaúcha 0 comments

É hora de reforçarmos o espírito de seguir ocupando as ruas, exercendo a ação direta, não se intimidando com a ação repressiva da brigada e muito menos com a campanha de difamação que nesse momento desenvolve a grande imprensa. Nessa guerra psicológica, joga um papel especial a RB$ e seu gorila de plantão, Lasier Martins. Não podemos confundir opinião pública com a agitação destes meios, que mais do que nunca, exercem o papel de aparelho ideológico das companhias de ônibus e da administração Fortunatti (PDT). Sabemos, e temos presenciado nos atos e pontos de ônibus, em nossos locais de trabalho e estudo, que aqueles/as que de fato necessitam de ônibus, em sua grande maioria estão solidários/as conosco e, é essa a opinião que nos interessa, uma opinião de classe, dos/as trabalhadores/as, desempregados/as, dos/as oprimidos/as desta cidade!

graficoscearaluta.jpg imageTrabalhadores gráficos do Ceará en luta 02:03 Sat 02 Jun by Organização Resistência Libertária 0 comments

Expressamos por esta carta nosso total apoio e solidariedade a vocês trabalhadores(as) gráficos do Ceará, que estão em greve há mais de 14 dias.

panfleto1demaio.jpg image1º de Maio: Dia do Trabalhador! 21:56 Wed 02 May by Coletivo Anarquista Bandeira Negra 0 comments

1º de Maio não é festa! Está na hora de ver o horizonte à frente e buscar outra sociedade, livre de exploração, desigualdade e miséria. O ideal de uma vida conquistada pela solidariedade e na luta.

textSe morar é um direito, ocupar é um dever 12:34 Tue 14 Apr by Vermelho e Negro - FAO 0 comments

Nos anos 80 a cidade de Feira de Santana foi sacudida por uma onda de ocupações urbanas por parte do Movimento dos Sem Teto de Feira de Santana, e uma figura se destacava no meio de tantas pessoas que arriscavam suas vidas para conseguir um terreno e um teto, era George Américo. Assassinado em maio de 1988, com 27 anos, George Américo participou de cerca de 20 ocupações urbanas na cidade, sendo a principal delas e a maior já realizada em Feira de Santana, a ocupação do antigo Campo de Aviação que deu origem ao bairro que hoje leva seu nome.

textNosso Trabalho com as Ocupações e a FIST 03:04 Sat 15 Dec by Federação Anarquista do Rio de Janeiro 0 comments

Artigo que trata do trabalho da FARJ com as ocupações urbanas cariocas, da nossa concepção de organização anarquista, e das relações com a Frente Internacionalista dos Sem-Teto (FIST).

imageO Sindicato Feb 16 by Franz Ícaro de Sá Silva 0 comments

De início, uma advertência aos incautos: O subtítulo é uma sátira a uma afirmação do atual presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Teresina (SINDSERM), onde o mesmo, durante uma conversa, declarou que o sindicato "é uma instituição burguesa como outra qualquer".

imageGreve dos rodoviários Feb 10 by Federação Anarquista Gaúcha 0 comments

Completaram duas semanas da greve dos rodoviários e neste momento estamos diante de um aumento do ataque dos patrões e seus aliados: a grande mídia, a prefeitura e o judiciário. Ao longo desses dias os companheiros vivenciaram a perseguição patronal através das ameaças, do corte do ponto e da suspensão do plano de saúde. Apesar das dificuldades, os piquetes continuaram firmes fazendo cumprir a decisão soberana da assembléia em manter a greve. Diante desse contexto, é importante fazermos uma avaliação do atual momento em que se encontra essa luta para superar os desafios que o inimigo de classe nos impõe.

imageO novo ministério para o aliado de ocasião May 11 by Bruno Lima Rocha 0 comments

Afif já encarnou o rótulo de camaleão da política, as imagens apenas materializam o conceito do ex-apoiador da ditadura agora travestido de vice-governador dos Bandeirantes e ministro de quase nada no Planalto.

imageQue sindicalismo é esse? Jul 23 by Bruno Lima Rocha 0 comments

Movimento sindical vive dilema de ter recursos e estar subordinado ao governo.

imageSignificados de um 1º de maio May 04 by Bruno Lima Rocha 0 comments

Os Mártires de Chicago, em sua maioria operários de credo anarquista e origem alemã (nativos ou de segunda geração imigrante), marcaram o embate entre a força de trabalho e as forças da ordem capitalista. O 1º de Maio é o marco da luta de classes em todo o mundo, com exceção dos EUA, quando o feriado do trabalhador é em outra data.

more >>

imageTrabalhadores gráficos do Ceará en luta Jun 02 ORL 0 comments

Expressamos por esta carta nosso total apoio e solidariedade a vocês trabalhadores(as) gráficos do Ceará, que estão em greve há mais de 14 dias.

image1º de Maio: Dia do Trabalhador! May 02 CABN 0 comments

1º de Maio não é festa! Está na hora de ver o horizonte à frente e buscar outra sociedade, livre de exploração, desigualdade e miséria. O ideal de uma vida conquistada pela solidariedade e na luta.

© 2005-2014 Anarkismo.net. Unless otherwise stated by the author, all content is free for non-commercial reuse, reprint, and rebroadcast, on the net and elsewhere. Opinions are those of the contributors and are not necessarily endorsed by Anarkismo.net. [ Disclaimer | Privacy ]