preferenze utente

cerca nell'archivio del sito Cerca cerca nell'archivio del sito


Search comments

ricerca avanzata

Nuovi eventi

Brazil/Guyana/Suriname/FGuiana

nessun evento segnalato nell'ultima settimana
Articoli recenti su Brazil/Guyana/Suriname/FGuiana Repressão / prisioneiros

La lutte de Marielle Franco continue! mar 29 18 by Coordination des Groupes Anarchistes

La lucha de Marielle Franco sigue ! mar 29 18 by Coordination des Groupes Anarchistes

Assassinio Politico, Terrorismo di Stato: Marielle Franco lotta con no... mar 19 18 by Coordinazione Anarchica Brasiliana

[Santos-SP/Brasil]: Companhia de teatro é atacada pela PM e Guarda Municipal

category brazil/guyana/suriname/fguiana | repressão / prisioneiros | news report author lunedì ottobre 31, 2016 06:25author by R.U. - R.U.author email comitedeapoiolocal at bol dot com dot br Segnalare questo messaggio alla redazione

Integrantes da Trupe Olho da Rua, companhia de teatro de rua, foram cercados, ameaçados e um dos seus integrantes foi preso pela PM de Santos na tarde deste domingo, 30 de Outubro.

A companhia de teatro Trupe Olho da Rua, que participa de várias apresentações de teatro de rua, intervenções públicas e mostras teatrais dentro e fora da cidade de Santos-SP é conhecida por sua peça "Blitz - O império que nunca dorme", peça que retrata com olhos críticos os massacres de maio de 2006 em São Paulo e a conduta da Polícia Militar do referido estado.

Há vários meses, nas diversas apresentações feitas em espaços públicos os atores tem sido intimidados e ameaçados pelos esbirros, que dentro e fora das viaturas agridem os espectadores e transeuntes nas proximidades, perseguem os atores em seus locais de residência e trabalho e ultimamente os têm ameaçado com bastante frequência.

Na tarde deste domingo, o grupo se apresentava na praça em frente à Cadeia Velha em Santos, em frente à chamada "Vila do Teatro" , foi cercado por soldados da Polícia Militar e da Guarda Municipal de Santos. Os mesmos sem nenhuma voz de prisão, mandado ou acusação formal roubaram os equipamentos e celulares dos atores e de todos os espectadores e ao identificar um dos principais atores da Companhia Teatral, Caio Martinez Pacheco, levaram-no para o 1º DP (antiga sede do DOPS) na Rua São Francisco no centro da cidade.

Sequestrado pelos agentes, o ator está mantido incomunicável havendo a sonegação de quaisquer informações relativas a ele, propagando-se o temor, entre amigos, parentes e atores sobre a possibilidade de estar sendo torturado.

No site do Movimento Teatral da Baixada Santista está a imagem do sequestro do ator pelos policiais:
https://www.facebook.com/groups/493637617326848/?multi_...73408

Precisamos de todo apoio jurídico e militante possível e a máxima divulgação do fato.

Enquanto houver Estado e Polícia nunca haverá liberdade.

COMITÊ DE APOIO

comitedeapoiolocal@bol.com.br

Site da companhia teatral:
http://trupeolhodarua.blogspot.com.br/

Imagem do sequestro do ator pelos policiais:
https://www.facebook.com/groups/493637617326848/?multi_...73408

Link esterno: https://www.facebook.com/groups/493637617326848/?multi_permalinks=1337830986240836¬if_t=group_highlights¬if_id=1477864880673408
This page can be viewed in
English Italiano Deutsch
© 2001-2019 Anarkismo.net. Salvo indicazioni diversi da parte dell'autore di un articolo, tutto il contenuto del sito può essere liberamente utilizzato per fini non commerciali sulla rete ed altrove. Le opinioni espresse negli articoli sono quelle dei contributori degli articoli e non sono necessariamente condivise da Anarkismo.net. [ Disclaimer | Privacy ]